Notícia

Preo do etanol ao consumidor sobe em 15 Estados, segundo a ANP


O preo do etanol hidratado, que usado diretamente para abastecer
veculos, subiu ao consumidor final em 15 Estados brasileiros na ltima
semana encerrada no dia 26, segundo dados divulgados pela Agncia
Nacional de Petrleo (ANP). No Paran, o preo do biocombustvel
registrou a maior alta. Em nove Estados o preo do etanol ao consumidor
caiu e em dois Estados e no Distrito Federal, ficou estvel.






Atualmente, vantajoso abastecer com etanol em vez de gasolina em
quatro unidades da Federao nesses Estados, o preo mdio do etanol
ao consumidor final equivale a menos de 70% do preo da gasolina.






Entre eles est Gois, onde na ltima semana o preo mdio do litro do
biocombustvel ficou estvel com a paridade a 66% em relao ao preo da
gasolina. Em Mato Grosso o preo do etanol subiu 0,61%, mas a paridade
permaneceu na casa dos 65%.






No Paran, mesmo com a alta de 1,68% no preo mdio do litro do
biocombustvel, ainda vantajoso ao consumidor final usar etanol, uma
vez que a paridade com a gasolina est em 67%. Em So Paulo, maior
Estado consumidor de combustveis do pas, o preo do etanol nos postos
subiu 0,11%, mas a paridade se manteve praticamente inalterada em 65%.






Em Mato Grosso do Sul os preos caram 0,11%, e a paridade saiu de 71%
para 70%, percentual que torna indiferente ao consumidor abastecer com
etanol ou com gasolina.






Os Estados cujos preos do etanol apresentaram alta na ltima semana so
Acre (0,64%), Alagoas (0,53%), Amap (0,92%), Bahia (1,12%), Mato
Grosso (0,61%), Minas Gerais (0,09%), Paran (1,68%), Rio de Janeiro
(0,62%), Rio Grande do Norte (0,16%), Rondnia (0,12%), Roraima (0,40%),
Santa Catarina (1,11%), So Paulo (0,11%), Sergipe (0,04%) e Tocantins
(0,18%), segundo dados da ANP.






O preo do etanol ao consumidor recuou no Amazonas (0,86%), no Cear
(0,21%), no Esprito Santo (0,61%), em Mato Grosso do Sul (0,10%), no
Par (0,39%), na Paraba (0,04%), em Pernambuco (0,17%), no Piau
(0,08%) e no Rio Grande do Sul (0,12%).






Se mantiveram estveis os preos do biocombustvel no Maranho, em Gois e no Distrito Federal.






Nas usinas em So Paulo, os preos do hidratado recuaram 0,41% na ltima
semana, a R$ 1,1662 por litro, segundo o indicador Cepea/Esalq.


Fonte: Valor Online - Fabiana Batista
Data: 29/10/2013