Notícia

Carro econmico e menos poluente ter IPI reduzido


O governo quer acabar com o automvel "gasto" e vai reduzir o Imposto sobre
Produtos Industrializados (IPI) de veculos menos poluentes. Ao contrrio dos
incentivos dados s montadoras na crise financeira internacional, a nova
poltica ser permanente.



Em contrapartida, as empresas tero de investir mais em tecnologia para
desenvolver motores mais eficientes e que emitam uma menor quantidade de gases
nocivos para o meio ambiente, como o CO2. A nova poltica deve fazer com que a
demanda por etanol e gasolina seja menor.



A reduo do uso de combustveis um objetivo que o governo tem neste
momento em que elabora uma srie de medidas para evitar a oscilao drstica dos
preos do etanol. Essa volatilidade consequncia da oferta e da demanda do
produto, de acordo com os perodos de safra e entressafra da cana-de-acar.



Quando os canaviais esto produtivos, o preo do etanol cai nas bombas e,
no intervalo entre o fim da produo e incio de uma nova plantao, dispara. A
discusso passa por trs eixos: emisso-eficincia, tecnologia e
competitividade. A necessidade de reduo de poluentes um consenso no governo,
mas, para tcnicos do Ministrio da Agricultura, essa diminuio tem de vir
acompanhada de uma maior eficincia dos motores em relao queima de
combustveis.



"Gasto". A avaliao a de que o automvel brasileiro "gasto" e a
indstria nacional tem condies de tornar o consumo energtico menor.



A dificuldade em aperfeioar os veculos estaria na presso exercida
pelas montadoras, grandes empregadoras e pagadoras de impostos. Os estudos do
governo consideram como ideal o modelo europeu, onde carros com motores mais
potentes so menos poluentes que no Brasil.



A reduo definitiva de IPI com foco ambiental chegou a ser discutida no
passado com as montadoras, depois que o Ministrio da Fazenda retirou os
incentivos fiscais que as empresas receberam durante a crise internacional. Os
carros movidos a lcool, bicombustveis (flex) e com motores de baixa cilindrada
foram os que tiveram a maior reduo do imposto justamente por serem menos
poluentes.



A inteno foi abandonada na poca porque a equipe econmica decidiu
trabalhar com uma meta mais elevada de supervit primrio das contas do setor
pblico em 2010. No entanto, as linhas gerais da nova poltica foram traadas no
governo Lula, coordenada pelos tcnicos do Ministrio da Fazenda que permanecem
na atual gesto.



Agora, com o caixa mais reforado e com uma nova poltica industrial em
gestao - com foco na inovao -, o governo quer pr a ideia em prtica. O
objetivo transformar o Brasil numa plataforma de produo de tecnologia limpa
e uma referncia em termos de combinao de economia com preservao do meio
ambiente.



PARA LEMBRAR



A reduo do IPI para estimular as vendas de automveis entrou em vigor
em janeiro de 2009 , quando a economia comeou a sentir os efeitos da crise
global.



Em maro, foi prorrogada para junho e novamente renovada. Estima-se que o
governo deixou de arrecadar R$ 1,75 bilho com a medida.



O IPI foi reduzido tambm para caminhes, eletrodomsticos e materiais de
construo. A partir de 1. de outubro de 2009, o estmulo venda de automveis
comeou a ser retirado pelo governo.



Fonte: O Estado de S. Paulo
Data: 09/06/2011